A “Aprendizagem ao Longo da Vida” é o que proporciona a Academia Sénior de Santa Maria Maior, uma instituição academista, com fins educativos-culturais. Iniciou a sua actividade em Setembro de 2008 e já registou cerca de uma centena de inscrições de alunos e mais de três dezenas de professores de diversos graus de ensino, bem como mais de meia centena de conferencistas. Destinada a seniores com mais de 55 anos de idade, a Academia, criada e supervisionada pela Junta de Freguesia, foi a primeira da Região a ser filiada na Rutis (Rede das Universidades da Terceira Idade) e a estabelecer um protocolo de geminação com uma Universidade Sénior do Continente (a Universidade de Lagos - Algarve).
No plano curricular lecciona, entre outras, as disciplinas de português, literatura, inglês, história da Madeira e universal, história das artes, pintura, artes plásticas, cultura portuguesa contemporânea, artes e decoração, teatro, cidadania, informática, cultura geral e lavores femininos, bem como conferências, visitas de estudo e múltiplas actividades físicas, como percursos pedestres, yoga, hidroginástica e danças de salão.
Este ano, cerca de quinze alunos da Academia Sénior vão participar no congresso nacional da Rutis, em Guimarães, nos finais de Maio, onde vão estar cerca de 1.500 alunos seniores do Continente, Açores e do estrangeiro, em representação de mais de 150 associações. No ano transacto, a Academia foi a única instituição madeirense a participar no encontro sénior que decorreu em Portimão, onde estiveram cerca de 1.600 alunos, dirigentes e professores.
Se tem 55 anos de idade ou mais, inscreva-se na Academia Sénior e beneficie de um plano curricular feito à sua dimensão e disponibilidade de tempo. Um ambiente estudantil sénior, sem testes nem exames, mas com boas mais valias para a sua formação – ocupação dos tempos livres. Aulas no anfiteatro do Centro Cívico e em salas equipadas com os meios necessários para que se sinta bem a aprender e a conviver.
Inscrições abertas todo o ano.