De entre as cerca de quinze disciplinas ministradas na Academia Sénior de Santa Maria Maior, a de História da Madeira está na linha de preferências dos academistas, alunos com mais de 55 anos. O arquipélago da Madeira completa, dentro de sete anos (em 2018), seis séculos que foi descoberto pelos navegadores portugueses (1418). Há como que um fascínio pela "história da nossa terra"... quanto mais conhecemos mais queremos conhecer. É o porquê dos porquês!?.
A história de Portugal, com mais de oito séculos, e a história universal, também fazem parte das preferências os seniores. A história situa-nos, de um modo muito particular, no tempo dos primeiros anos da escolaridade, onde os actuais seniores sabiam de cor o nome dos reis,  
rainhas, castelos, dos cognomes dado aos monarcas e do avanço da portugalidade no mundo. A disciplina de história cativa os alunos seniores de um modo muito especial.
A cidadania, a pintura, a informática, o inglês, as artes e decoração e ainda a de bijutarias e arte sacra, são, entre outras, disciplinas muito participadas pelos seniores academistas. Podem os alunos frequentar todas as disciplinas, cujos dias e horários não coincidem, como podem optar pelas disciplinas que bem entenderem. A Academia Sénior tem uma única propina anual e as inscrições podem ser efectuadas em qualquer data.

Há alunos seniores que dão preferência às conferências (todas as quintas-feiras, na parte da tarde, no auditório do Centro Cívico de Santa Maria Maior), às visitas de estudo/culturais ou outras iniciativas que decorrem no exterior da Academia. No mês de Janeiro foram realizadas visitas culturais ao Museu de Arte Sacra, ao Centro Cultural "John dos Passos", ao Engenho da Calheta, à Casa das Mudas (Exposição Art Déco) e ao Madeira Magic. As aulas começam, regra geral, às 14.30 e terminam pelas 17.30 horas, tanto no anfiteatro, no atelier de pintura como na sala das novas tecnologias. A Biblioteca da Academia Sénior está sempre acessível aos alunos e professores.